Descobrimos o que as pessoas estão fazendo para se masturbar



Alice Mongkongllite for BuzzFeed

A masturbação é uma atividade deliciosa, mas não temos como saber o que as outras pessoas fazem nessa hora.

Por isso, o BuzzFeed
perguntou a pessoas de todas as idades e gêneros como elas se masturbam.

As respostas foram editadas por conta de extensão ou clareza.

1.

“Normalmente começo lendo histórias eróticas ou procurando pornografia na internet (às vezes ambos). Eu gosto de ir intensificando, então resisto a me tocar lá embaixo até que esteja bem molhada. Quando eu não aguento mais, uso um pênis de borracha, um vibrador ou meus dedos (ou uma mistura dos três). Vou bem devagar e constante no início, depois acelero para acompanhar o que estou lendo ou assistindo.”

—25/M/Hétero

2.

“Eu sento com as pernas dobradas e com os tornozelos cruzados. Então me esfrego contra o calcanhar. Isso deixa minhas mãos livres para estimular outras áreas.”

—28/Mulher/Bissexual

3.

“Eu tenho uma infinidade de brinquedos. Da última vez, acoplei um pênis de borracha por sucção ao lado da banheira e usei um vibrador para estimular o meu clitóris. Nota 10.”

—23/F/Bissexual

4.

“Geralmente eu ponho a mão na massa. Eu começo empilhando minhas cobertas para não deixar meus colegas de quarto ouvirem. Então, uso uma escova de dentes elétrica (que eu nunca uso na boca) no meu clitóris enquanto assisto pornô.”

—21/Mulher/Não discrimino

5.


Alice Mongkongllite for BuzzFeed

“Eu pego uma loção para as mãos, misturo com um pouco de vaselina e coloco em um saquinho de plástico. Eu coloco o saquinho no meu pau e me masturbo por cinco minutos. Eu paro, e espero ficar um pouco mais duro, então me masturbo até gozar.”

—29/H/Hétero

6.

“Geralmente eu abro um site pornô ou um site de webcams e assisto para ficar duro. Ou simplesmente penso em um dos meus parceiros. Como eu moro sozinho, muitas vezes eu fico em pé de frente para o vaso sanitário e me masturbo vigorosamente. Para me levar ao limite, geralmente penso em um dos meus parceiros fazendo alguma coisa que eles gostam (como anal, ser amarrado ou penetração dupla).

Isso geralmente funciona, e eu ejaculo no vaso ou no papel higiênico, para ficar mais fácil de limpar. Eu tiro até a última gota de esperma do meu pênis, dou descarga e sigo com meu dia.”

—30/Não-binário/Pansexual

7.

“Eu deixo minha adrenalina pulsando ouvindo Kanye, Nicki ou a trilha de ‘Hamilton’, ou, se estiver a fim de alguma coisa mais animada, faço um exercício rápido. Depois disso, eu pego lubrificante, entro no Tumblr para procurar alguma pornografia grátis que não traga o risco de vírus como a maioria dos sites pornô, e descabelo o palhaço.”

—23/Homem/Hétero

8.

“Às vezes eu gosto de me masturbar nas cabines de um banheiro cheio na minha universidade. Há algo emocionante sobre a possibilidade de alguém saber o que estou fazendo, por isso é divertido fazê-lo quando o banheiro está muito cheio. Há até mesmo contagens em algumas cabines para os colegas masturbadores anônimos acompanharem quantas vezes nós gozamos lá.”

—23/H/Hétero

9.

“Eu geralmente me masturbo enquanto assisto pornô, e às vezes enquanto leio alguma fanfic de femslash (relações entre mulheres). Eu ponho fones de ouvido e, se estiver com paciência, procuro algum pornô novo. Mas meus gostos são bem específicos, e isso é difícil, então eu geralmente volto para os antigos que eu sei que funcionam.

Eu sou lésbica, gosto de mulheres e gosto de assistir a pornô lésbico, mas, por algum motivo, pornô hétero, especialmente boquete, é o que realmente me faz chegar lá. Eu ponho o computador do meu lado e uso meu vibrador sob as cobertas, para não deixar meus colegas de quarto ouvirem. Eu começo devagar e aumento a potência conforme fico mais excitada. Eu tento esperar chegar a uma parte boa para poder terminar. Depois, eu desligo o computador e gozo de novo me esfregando no travesseiro.”

—23/Mulher/Gay


Alice Mongkongllite for BuzzFeed

“Meu lugar favorito para me masturbar é no banho, com o chuveiro de mão. Eu diminuo as luzes e começo meu banho quente, para deixar o banheiro gostoso e cheio de vapor. Depois, mudo o modo do chuveiro para um fluxo mais firme e frio e ponho o chuveiro de mão sobre o clitóris. A pressão dá uma sensação maravilhosa, e eu consigo chegar ao orgasmo em menos de cinco minutos. Os melhores orgasmos são aqueles em que eu fico alguns instantes sem enxergar, e o chuveiro de mão faz exatamente isso.”

—27/Mulher/Hétero

10.

“Eu geralmente começo navegando pelo Tumblr e me tocando sobre a cueca.

Depois, quando eu começo a ficar bem excitado, eu abro um pornô. Eu gosto sou um homem trans que gosta de homens, mas assisto a todos os tipos de pornografia: lésbicas, homens mais velhos com mulheres mais novas, anal, vaginal, BDSM, o que for.

Eu tomo testosterona, então, meu ‘clitóris’ cresceu um pouco e ficou como se fosse um pequeno pau. Eu esfrego e acaricio ele para chegar lá. Eu também uso um dildo para penetrar minha vagina, porque é ótimo e intensifica meus orgasmos. E aí, por que não?”

—23/Homem trans/Gay

11.

“Eu geralmente não me masturbo a menos que já esteja excitada, e isso geralmente só acontece quando eu leio alguma fanfic gay bem safada. Para ficar confortável, eu preciso trancar a porta e desligar todas as luzes, a televisão e o computador para deixar tudo bem escuro, e só tiro as calças (ficando de blusa e calcinha).

Então, eu deito na cama sob o meu lençol mais fino e esfrego meu clitóris sobre a calcinha com uma mão, e com a outra eu tenho que segurar meu ombro. Eu geralmente começo um pouco devagar, mas em geral levo uns três minutos para gozar. Então, às vezes, eu faço três vezes seguidas bem rápido. Eu nunca gostei de penetração, então isso é tudo o que eu preciso.”

—24/Mulher/Assexual

12.

“Masturbação é tradicional para homens. É só mais uma parte do meu dia. O meu foco principal é bater punheta, mas eu uso minha outra mão para brincar com os mamilos e as bolas. É entrar e sair no menor tempo possível. Quando eu tenho tempo, eu gosto de passar minha mão livre ao longo dos pelos do meu peito e abdômen enquanto me toco. Às vezes, eu uso dildos e vibradores para estimular meu ânus, mas são ocasiões raras.”

—25/Homem/Gay

13.

“Eu me masturbo ouvindo música. É a sensação mais incrível, encontrar uma música que tenha um tom crescente e ter um orgasmo conforme a batida ‘cai’ é a sensação mais intensa de todas! Muito melhor do que qualquer orgasmo que eu já tive sem isso. Não funciona com todas as músicas, leva tempo para encontrar o que funciona e o que não funciona.”

—29/Mulher/Hétero


Alice Mongkongllite for BuzzFeed

“Embora eu não sinta atração sexual, eu sinto excitação. Uma frase que eu ouvi com relação à masturbação assexual é ‘limpando a tubulação’. O que realmente funciona para mim é Jerk Off Instruction (JOI, ou instruções para se masturbar), um tipo de pornô em que uma pessoa – geralmente uma mulher – te da instruções específicas sobre o que fazer. A instruções geralmente incluem a velocidade e o tempo e, às vezes, mandam você engolir o sêmen que acabou de produzir. Eu me masturbo quatro ou cinco vezes por semana, quando acordo ou quando vou para a cama.

Eu não converso com ninguém sobre masturbação, exceto quando revelo que sou assexual. Uma das primeiras perguntas geralmente é se eu me masturbo, e então eu tenho que explicar que, mesmo que eu faça, isso não invalida a minha assexualidade.”

—24/Homem/Assexual

14.

“Eu empurro muito a cabeça do meu pênis com a mão direita. Às vezes, eu acaricio a borda do prepúcio, às vezes eu uso meu dedo médio esquerdo para me estimular analmente. Eu não assisto pornô, nem uso muito estímulo visual, fora olhar para mim mesmo no espelho. Geralmente eu me imagino em várias situações sexuais que envolvam pessoas com quem eu tive relações sexuais ou imagino pessoas de vários gêneros e configurações genitais. Às vezes, eu me interrompo antes do orgasmo e faço um pequeno intervalo para acumular tensão. Eu geralmente tento ejacular no vaso sanitário ou no papel higiênico, alguma coisa descartável.”

—23/Homem/Bissexual

15.

“Eu passo lubrificante nos dedos e esfrego meu clitóris, sem pressionar diretamente, por cerca de três minutos, deitada. Conforme eu chego mais perto do clímax, eu fico em pé. Eu preciso ficar de pé ou em uma posição reta para gozar.”

—32/Mulher/Hétero

16.

“Se eu estiver no chuveiro, eu me apoio na parede para deixar a água quente bater nas costas, mas sem tirar o sabão do meu membro. Se eu me masturbar, eu geralmente uso a mão que não é dominante, porque meu pênis se curva para direita, o que faz com que a pegada seja confortável. Se eu estiver no chuveiro, eu gosto de usar a mão dominante invertida, com o polegar virado para o corpo, e apertar a cabeça do pênis repetidamente até gozar. Fazer um pouco de movimento ajuda. Pouco antes de gozar, eu me viro para deixar a água correr pelo meu pênis. A sensação é ótima. Quando não é no chuveiro, eu sou só mais um cara comum assistindo pornô.”

—25/Homem/Bissexual

17.


Alice Mongkongllite for BuzzFeed

“Como eu sou covarde demais para realmente comprar grampos de mamilos, então eu uso um grampo de cabelo, só o bastante para doer um pouquinho. Os grampos, na verdade, fazem com que seja fácil de puxar se eu quiser uma sensação extra. Aí, eu passo óleo corporal em toda a parte da frente do meu corpo.

Eu percebi que, conforme fico mais velha, é perfeitamente normal querer experimentar coisas novas. Esfregar o óleo escorregadio em todo o meu corpo, combinado com a sensação dos mamilos sendo pinçados, me deixa no ponto. Daí, é hora de pegar o meu leal vibrador Rabbit. Não tem nada melhor do que montar nesse garoto estilo caubói até ‘virar os olhos’.”

—33/Mulher/Bissexual

18.

“Eu sempre pego uma coberta bem macia e a estendo na cama, geralmente dobrada algumas vezes para deixar mais grossa. Então, eu abro algum pornô no laptop e deito de bruços, com o pênis contra a coberta. Aí, eu mexo o quadril para frente e para trás, ou para cima e para baixo, para esfregar meu pau contra a coberta até chegar ao orgasmo! Isso meio que me dá a sensação do sexo, porque eu faço os movimentos com o corpo, em vez de usar a mão.”

—20/Homem/Gay

19.

“Eu geralmente começo bebendo um copo d’água (ficar com a bexiga cheia faz uma leve pressão sobre o clitóris) e procuro por histórias eróticas. Quando eu fico excitada, eu começo. Eu sou intersexual, portanto, minha vagina é um pouco diferente. A única maneira que eu encontrei para me deixar no clima é pôr as pernas ao redor de uma coberta ou travesseiro e esfregar. Eu esfrego vigorosamente até chegar lá. Eu tenho que lavar muito lençol.”

—21/Mulher intersexual/Lésbica

20.


Alice Mongkongllite for BuzzFeed

“Às vezes, eu adoro correr contra o relógio, como se estivesse desarmando uma bomba: ‘EU TENHO CINCO MINUTOS! VAI, VAI, VAI.'”

—21/Mulher/Hétero

21.

“Eu passei 16 anos com a masturbação padrão, estimulando o clitóris. Há muito pouco tempo, eu comecei a explorar brincadeiras anais. Eu ADORO inserir o vibrador no ânus enquanto enfio o dedo na vagina e/ou esfrego o clitóris. Meus orgasmos são intensos e parecem durar para sempre.”

—32/Mulher/Hétero

[Nota do editor: certifique-se de usar um vibrador próprio para uso anal – de preferência com uma base alargada – para que ele não seja perdido.]

22.

“Eu assisto pornô principalmente no meu iPad. Ultimamente, eu ando experimentando massagem na próstata. É difícil acreditar que alguns homens nunca vão ter essa experiência. Até agora, eu só usei os dedos e um pequeno vibrador da minha noiva, mas eu adoraria usar um brinquedo masculino criado para estimular aquele ponto especial. Eu gostaria de trazer isso para o quarto, mas tenho que esperar a hora certa para mencionar. Não me masturbo mais tanto, mas às vezes é muito gostoso.”

—32/Homem/Hétero, mas bi-curioso

23.

“Como um homem trans que tem uma vagina, eu ainda tenho um pouco de disforia, e não gosto de me tocar muito lá embaixo. Com sorte, se eu deitar de bruços, cruzar as pernas bem apertado e flexionar a vagina repetidamente, eu consigo chegar ao orgasmo em alguns minutos.”

—23/Homem/Gay

24.

“Se eu estiver com tempo, e estiver no clima, eu uso a criatividade. Eu tenho diversos brinquedos que eu uso no ânus – plugs, dildos, bolinhas e um massageador de próstata. Eu geralmente tomo um banho primeiro e me certifico de que todos os brinquedos estejam limpos e prontos para usar. Eu estendo uma toalha na cama e pego meu laptop. Enquanto procuro pelo vídeo perfeito, eu começo alargando meu ânus com os dedos, depois, um plug, e então, minhas bolinhas anais.

Se eu encontrar um vídeo que pareça promissor e tiver mais de 5 minutos, eu começo a usar um dildo. Conforme eu chego mais perto do orgasmo, eu troco meu dildo ou o que for que tiver no ânus pelo meu massageador da próstata. As vibrações somadas ao movimento de empurrar para dentro e para fora geralmente me levam à loucura, até o ponto em que eu simplesmente pego meu pau e me masturbo até gozar.”

—26/Homem/Bissexual

25.

“Eu gosto de escrever e gosto de assistir pornô, então eu escrevo fanfics pornô. Escrever minhas fantasias e colocar atores específicos nelas realmente me excita. Escrever as histórias me permite entrar em detalhes, e eu posso lê-las sempre que quiser, como minha própria coleção erótica pessoal. Eu sempre acabo me masturbando quando termino de escrever. E sempre prendo a respiração quando gozo. É um ótimo truque. Experimente!”

—38/Mulher/Hétero

26.


Alice Mongkongllite for BuzzFeed

“Eu levei uma eternidade para descobrir como me masturbar, porque toda pornografia solo que eu via era só mulheres esfregando delicadamente o clitóris ou enfiando os dedos gentilmente em si mesmas, e isso não fazia nada para mim. Eu preciso de coisa bruta e pesada. Estou falando de dois vibradores pulsando na potência máxima. Um vai no clitóris e o outro vai dentro de mim, e eu bato nele com FORÇA usando a palma da mão, em um ritmo rápido e firme, como se estivesse sendo fodida. Talvez pareça agressivo e assustador, olhando de fora, mas funciona.”

—25/Mulher/Bissexual

27.

“A masturbação para mim geralmente é um meio para um fim. Na grande maioria das vezes, é porque eu acordei no meio da noite com uma ereção e quero voltar a dormir! As duas opções são: (A) levantar da cama ou (B) fazer alguma coisa para acabar com o problema. Obviamente, você deve SEMPRE escolher a opção B – a cama é aconchegante! Isso leva ao que talvez seja a bronha mais veloz que já existiu, totalmente atordoado! Tarefa concluída, de volta ao sono.”

—25/Mulher trans/Assexual

28.

“Eu posso estar errado, mas reconheço que devo ser bem sem graça comparado à maioria. A única coisa incomum (ou talvez não) sobre mim é que meus mamilos são mais sensíveis que meu pênis. Então, enquanto eu me masturbo com uma mão, a outra está brincando com os mamilos. E seu eu ficar muito exitado, já aconteceu de eu gozar só de brincar com os mamilos. Isso é estranho?!”

—30/Homem/Gay

29.

“Eu costumava estimular bastante os mamilos, mas perdi a sensibilidade neles quando fiz uma mastectomia dupla para minha transição. Agora eu uso lubrificante para umedecer meu clitóris e esfrego até ficar molhada, depois uso um brinquedo para que ele bata forte na minha entrada. Experimente, é surpreendentemente bom! Eu esfrego meu clitóris com a mão e uso o brinquedo enquanto leio fanfics safadas ou procuro pornografia no Tumblr.”

—24/Trans mulher para homem/Queer

Você já tem o app do BuzzFeed Brasil no seu celular? Baixe gratuitamente no Android e no iOS para ver todos os nossos testes, vídeos, notícias e muito buzz.

A tradução deste post (original em inglês) foi editada por Victor Nascimento.



Source link

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *